There was an error in this gadget

11/25/2008

4 coisas:

Coisa 1)
Um sábado sozinha em casa sem nada pra fazer, pode me levar a comer por um batalhão e empilhar uma quantidade inimaginável de vasilhas sujas na pia.
É que na falta do que fazer, a geladeira e a dispensa ficam impressionantemente atraentes.
Toddy, torradas, pão, geléia, biscoito, fandangos, macarrão, salada, doce de leite, yogurte, aveia, miojo, toddy, pipoca, milho verde... Não. Eu não sei explicar como sobrevivi a tanta comelança. E não venha agourar minha magreza dizendo: noooossaaa!! mas vc nao engorda de ruim heeein?!?! - Um que isso é frase de véia - Dois que eu engordo sim viu?! Infelizmente - Três que eu não sou obrigaaada! rs
Coisa 2)
Domingo de Cruzeiro x Flamengo. Dia de Mineirão. Dia de unhas roídas. Dia de encontros, desencontros e odisséias.
GOL do CRUZEIRO!!! grito, berro, comemoração, bandeirão e ''Chora galo imundoooo, nossa bandeira é a maior do mundoooo"
gol do urubu - affffe e ''Eeeeeu quero veeeer MEU CRUZEIRO jogar com raça para venceeer"
Outro GOL do CRUZEIRO!!! mais grito, mais berro, mais comemoração, e lá vem o bandeirão e "Vamos, vamos cruzeirooo!!!"
outro gol daquele fdp do urubu! Esse me levou as unhas embora. Tava quase roendo as pontas dos dedos já, e entãão...
GOOOOL DO CRUZEEEEIROOOO!!! aaaaaaahhhh "Não é mole nããão!! Agora eu quero ver pra sair do mineirããão!! huhuuu
Desencontrei de várias formas possíveis do Digo, tive que pegar uma carona até o ponto de ônibus, esperei quase duas horas pelo ônibus, fui parar lá no Itaú power motherfucker center e fui chegar em casa - mooorta de cansaço - lá pelas tantas. Só dei conta de banhozinho e caminha ^___^'
E ao meu Cruzeiro lindo lindo: Com coração, com muito amor, Cruzeiro mais querido do Brasil! Vamos, vamos Cruzeiro. Vamos, vamos a ganhar. Vou aonde você for, só pra ver você jogar!
Coisa 3)
Acabei de ler num jornal local, uma matéria entitulada: 'Mosquito da dengue pica pobres e ricos'. Ah falô! Será que esse povo realmente pensa antes de escrever coisas assim? Por mais que encha o saquinho, às vezes, ler em tudo que é canto: 'vamos acabar com a dengue!', 'não deixe água parada', 'dengue mata', 'vamos acabar com o mosquito', acho tão melhor nos atermos a esse tipo de notícia do que arriscar ser diferentezinho e escrever uma merda que sugira que o mosquito da dengue não discrimina ninguém social ou racialmente. PUTA QUE PARIU. ele é um mosquiiitooo!!
Vai imaginando aí, cê tá na sala da sua casa assistindo TV e chega um mosquito pra você:
- Er... com licença, Meu nome é Aedes e eu estou fazendo um cadastro de pessoas a serem picadas. Você poderia, por obséquio, preencher este formulário e anexar a ele a cópia de seus documentos de identidade, cpf, comprovante de residência e os 2 últimos contra-cheques?
- Anh? O.o'
- É porque a partir do banco de dados que estamos montando, somente pessoas com renda mensal inferior a 2 salários mínimos serão picadas. É parte de um programa do Governo Federal, o PAD - Programa de Aceleração da Dengue. Inclusive, além do questionário econômico, tem este formulário de requerimento especial, para ter acesso às vagas da cota de contaminação para negros, índios, deficientes e paupérrimos.
Cara. Isso é que eu chamo de inclusão social. Creio que na próxima edição deste mesmo jornal vou ler algo do tipo: 'Mosquito também é gente!'
Coisa 4)
No próximo fim de semana, vou matar as saudades da Isolda, minha personagem em Camelot - Uma Comédia Medieval. Agora é eu acho que é tchau mesmo =/
É claro que, de passagem rápida por GV, vou matar um pouquiinho das saudades da mamãããe, do papaaai e do Cheddar ^___^' e do Jack tb ne?

2 comments:

felipera(RebentaMininu) said...

ham... ok.

teka said...

Ah falô!!!