There was an error in this gadget

5/18/2012

sinal de coragem chegando

Acabei de receber um email de um curso de coaching que eu me inscrevi uma vez e depois (como quase tudo o que fiz na vida) desisti. 

O e-mail começa assim: Bom dia, Milhares de sonhos morrem todos os dias, porque o sonhador perde a coragem de dar o PRIMEIRO PASSO, às cegas e sem garantias de sucesso. Não há garantias na vida e nós sabemos que, se todas as perguntas fossem respondidas e se todos os obstáculos fossem rapidamente superados - NADA nunca seria feito. Decida o que você quer, escreva em um papel, faça um plano e, então - entre em ação. "Dê um grande salto e os ganhos irão aparecer!" 

Aquele curso nao era um sonho pra mim. Era uma mera possibilidade de dar certo em alguma coisa. 
Não deu. 

Tenho sonhos. Muitos. Mais do que consigo contar. 
Até tenho a coragem necessária pro primeiro passo. 
Mudei de cidade pra realizar um desses sonhos! 

 Mas em algum momento essa coragem toda me abandona. E eu desisto. Lá pela terceira ou quarta temporada de Smallville (sim. eu vou citar um personagem de seriado. lembrei dessa frase dele outro dia conversando com uma amiga e desde então ela ficou presa na minha cabeça), Lionel Luthor disse: "Desistir é um hábito perigoso" 

Acho que está chegando a hora de novo - de uma coragem louca nascer pra eu ir em busca de um novo (ou de um velho) sonho. 

Espero que dessa vez a coragem nao me abandone no meio do caminho. 
Espero que eu consiga planejar, seguir o plano e mudar só o que for necessário para me adaptar à realidade que se apresentar. Já que até hoje eu mudei tudo quando a realidade se mostrou tão tão diferente do que eu esperava. 

 Espero, de coração, que tudo dê certo no fim das contas. 

 E cá estou eu. Um ano, oito meses e 19 dias depois da minha ultima postagem neste blog, novamente usando-o pra desabafar um pouquinho.

8/29/2010

There and back again...

Há quase 4 anos (se é que já não são 4 anos completos) eu entro lá, e leio isso.
Ele não posta mais lá... mas eu gosto tanto de ler o que fica guardado lá, que sempre que dá, volto lá.



"Quarta-feira, Dezembro 27, 2006

Certa altura.
Eu quero o tempo voando
Os meus sonhos na mão
a letra mais bonita
pra chorar no refrão

Procuro mudança nos outros
Por gritos que não incomodem
Se é que não podem,
Se é que eles querem.

E no travesseiro confissões
Ilusões que nasceram no bar
com o sono por perto,
qualquer um sabe o que é certo.
posted by Caio Henrique at 12/27/2006 11:32:00 PM 3 comments "

7/11/2010

Frango ao molho de tangerina

A bagaça é a seguinte... um belo dia peguei essa receita e falei que um dia fazer... mas nuuunca saí pra comprar as tais tangerinas... rsrsrs

Acontece que hoje (11/07/10 - final da Copa do Mundo, a Espanha acabooou de ganhar) o almoço era por minha conta aqui em casa e ontem a tia Helena ganhou umas mexiricas e eu resolvi adaptar a receita. Pra quem gosta de arriscar na cozinha, vou colocar a receita aqui - do jeitimzim que eu fiz. Mas vou chamar a mexirica de bergamota pra ficar mais bonitinho...hehehe


Vou tentar fazer um esquema bem parecido com "culinária de guerrilha" do meu amigo Kico.

FRANGO À BERGAMOTA

receita para 2 pessoas



- 500gr de peito de frango cortado em tiras
- 1 colher de Fondor (tempero para aves, peixes, legumes e saladas da Maggi)
- 1 colher de molho de alho (tempero para saladas)
- 2 colheres de óleo

- 1 copo de suco de mexirica (bergamota, tangerina, qq uma dessas tá valendo)
- 1 colher de farinha de trigo
- gergelim para polvilhar
- salsinha a gosto


Tempere o frango com o Fondor e o molho de alho.
Em uma frigideira grande (mais fácil para mexer) coloque o óleo, doure o frango e reserve.
Na mesma frigideira, doure o trigo e em seguida coloque o suco de mexirica, mexendo bem para nao empelotar, até engrossar. (Dica: com uma colher de pau, vá raspando o fundo da frigideira de modo que o gosto do frango fica bem misturado ao molho)
Vire o frango de volta à frigideira.
Coloque a salsinha e vire em uma bandeja. Polvilhe o gergelim para decorar


Para acompanhar, arroz branco e uma saladinha básica. ^_____^

Ói como ficou: