There was an error in this gadget

8/25/2007

Quando eu me chamar saudade - [ElisRegina]

Sei que amanhã
Quando eu morrer
Os meus amigos vão dizer
Que eu tinha um bom coração
Alguns até hão de chorar
E querer me homenagear
Fazendo de ouro um violão
Mas depois que o tempo passar
Sei que ninguém vai se lembrar
Que eu fui embora
Por isso é que eu penso assim
Se alguém quiser fazer por mim
Que faça agora
Me dê as flores em vida
O carinho
A mão amiga
Para aliviar meus ais
Depois que eu me chamar saudade
Não preciso de vaidade
Quero preces e nada mais


Elis Regina]
Composição de Nelson Cavaquinho e Guilherme de Brito]


Elis que me permita discordar de uns pedacinhos

Amanhã quando eu morrer, quero homenagens sim! Quero musicas com meu nome, ou sobre mim, quero fotos nas paredes quero uma roda de viola em minha memória...
Eu sei que alguns "alguéns" vão se lembrar sim, durante anos e anos, da pessoinha que eu sou. Boa ou ruim, talvez até indiferente, mas vão se lembrar...
umas 5 pessoas eu creio que vão se lembrar de mim...
E lá de onde eu estiver, talvez eu me surpreenda com algumas, talvez me decepcione com outras. Mas de alguma forma, eu sei, que a dor de nunca mais ter um abraço delas não vai ser mais doída... Doída mesmo é essa dor que dói agora essa vontade de gritar, essa vontade de sumir.
E não tente me consertar, me corrigir, me consolar...
Quero desaparecer e ao mesmo tempo deixar marcada a ferro na pele de todo mundo a dor que eu sinto.

Dor sem rima e sem métrica
Sem poesia sem beleza
Sem vocabulário romantico
Sem tocar o sentimento de quem lê
Dor quase palpável
Que se dissipa quando 'elas' se aproximam
E que volta com mais força
Quando eu deixo uma dormindo
E a outra no ponto de ônibus
E de quebra, recebo um scrap
"aaaaaaaaaaa saudade"


Mas amanhã isso passa...
Amanhã não sentirei mais essa dor toda
Amanhã nem memória eu terei
Amanhã será tão bom........

Ei, será que vai fazer sol?!
Podíamos tomar um sorvete, ne?!
de flocos nao. Detesto!

-----Só tem um problema. amanhã nunca chega. quando tá quase chegando, vira hoje. E aí dá-lhe "aproveite o dia"-----





Calma, pessoas. Isso não é uma carta de suicídio.
É só o medo de dizer adeus...

1 comment:

ágatha said...

Affe credo,
podemos parar de falar sobre isso?
._.

A musica é linda, mas vai demorar acontecer, né?
e quando acontecer, vai ser de uma forma calma e inesperada.
:)

Sobre seu comentario sobre sonhar com o Elvis, eu sonhei com ele anteontem! Ele cantou love me tender só pra mim!
ai ai

bjus moça,
saudade doce
;*