There was an error in this gadget

5/28/2007

Chico Buarque

Chico é o cara!
Ele sabe se expressar de uma forma tão bela
E deixa no ar esse sabor de certeza de que eu não sou a única a me sentir assim.

"Tem dias que a gente se sente
Como quem partiu ou morreu
A gente estancou de repente
Ou foi o mundo então que cresceu
A gente quer ter voz ativa
No nosso destino mandar
Mas eis que chega a roda viva
E carrega o destino prá lá ..."


Numa esperança doida de que essa roda acelere e me conte o próximo capítulo, porque eu estou com preguiça de ler, porque eu estou com medo de ler, porque eu estou curiosa, porque eu quero saber se há algum personagem novo na história, e no fundo há um certo medo de eu não estar mais na história.


"Dorme a cidade
Resta um coração
Misterioso
Faz uma ilusão
Soletra um verso
Lavra a melodia
Singelamente
Dolorosamente
Doce a música
Silenciosa
Larga o meu peito
Solta-se no espaço
Faz-se a certeza
Minha cançao
stia de luz onde
Dorme o meu irmão "


Ela cantava. E era só uma música de coral de natal. Sem nem saber de quem era.Sem nem levar a sério algum elogio. Sem nem saber que era o que ela queria pro resto da vida. ... .É o que ela quer pro resto da vida?! ... .É o que ela quer agora! Mas ela tem medo. Ela tem tanto medo.


"Agora falando sério
Eu queria não cantar
Falando sério"


É mais fácil fazer cálculos. É mais fácil passar em concurso público. É mais fácil ser modelo. É mais fácil ser cabeleireira e manicure. É mais fácil ser piloto de corrida. É mais fácil ser peão. É muuuuito mais fácil ser político. É mais fácil ser professora. Mas eu não sei ser nada disso.

[*e aki me atrevo a trocar palavras]
"- E amanhã?
- Que bom se eu morresse!
- Prá quê, *moça?
- Talvez *ele sofresse
- Vá atrás!
- Na morte a gente esquece
- Mas no amor a gente fica em paz
- Adeus
- Toma mais um
- Já amolei bastante
- De jeito algum!
- Muito obrigado, *amiga
- Não tem de quê
- Por você ter me ouvido
- Amigo é prá essas coisas
- Taá..."

¹²³Ainda bem que ela existe. Pena que ele tá longe. Ai que saudades dele. Dá vontade de chorar quando eu chego em casa e ela não está. Dá vontade de sorrir quando eu chego pra trabalhar. Eu sei que ela tem medo do que eu posso fazer contra mim. Eu tenho tanto medo do que ele faz contra ele todo dia. Ainda bem que existe a internet. Ainda bem que existe o Manacá. Amigos são pra essas e outras coisas. Mesmo que nem todos tenham uma frase só sua. Não controlo tão bem assim os pensamentos. Nem os atos.


"Apesar de você
Amanhã há de ser outro dia.
Você vai ter que ver
A manhã renascer
E esbanjar poesia."

É bem assim que uma esperança doida me leva a crer.

E viva Chico Buarque!!
o/
____________________________________________________________
¹²³Mari. JP. Juka. Paula. Rosa. MariR. Yuri, Guin. Favim

2 comments:

Lipelove said...

Chico... profundo ele...

Mariana Freire Cabral said...

Pô... eu ia falar que era profundo, Mas o Lipe acabou com a minha festa.

Mas, mesmoa ssim, atrevo-me adizer: profundo... mesmo!